top of page
  • michelwajs

CASE | Setembro amarelo: como ajudamos a melhorar a saúde mental dos colaboradores de um cliente




Nunca se falou tanto sobre saúde mental no ambiente corporativo como nesse último ano. Uma série de motivos levou o psicológico da população em geral a sofrer mais, seja por conta da pandemia do coronavírus, aumento da carga de trabalho e mudança completa no estilo de vida.


Todo o cenário pandêmico afetou tão profundamente a população que, segundo informações da Organização Mundial de Saúde, os brasileiros passaram a ser os mais deprimidos e os mais ansiosos da América Latina.


Com todo esse contexto mundial e a saúde mental das pessoas muito mais fragilizada, a campanha de setembro amarelo tornou-se essencial para falar com as pessoas sobre a importância de cuidar da mente, tanto quanto do corpo.


Como as empresas devem tratar a saúde mental?


Já falamos anteriormente como a saúde mental afeta diretamente na capacidade de produção de um colaborador, portanto, os problemas de natureza mental também devem ser contemplados na hora de se pensar em gestão de saúde corporativa. Portanto, é importante que o departamento de RH contemple também ações que envolvam saúde mental, como foi o caso de nosso cliente, uma indústria e varejo moveleira.


O sucesso do programa Psicologia em Foco


Para ajudar a equipe de RH da empresa, a Proativa pensou em uma solução personalizada. A iniciativa veio por parte da liderança da empresa, que entende que esse quesito é fundamental para uma equipe motivada que tenha alta produtividade e identificaram que esse movimento era importante e necessário, para auxiliar a equipe, principalmente por terem pessoas que estavam afastadas por problemas de saúde mental.


A Proativa entendeu a necessidade do cliente, além de seu orçamento e levamos algumas soluções para a empresa. Começamos criando um programa de qualidade de vida e dentro da iniciativa, criamos uma solução personalizada: o programa Psicologia em Foco.


O programa uniu o aplicativo de saúde mental Cíngulo, e os serviços do Alô Doutor, Enfermeira Concierge e ainda, colocamos uma psicóloga dentro da empresa, garantindo assim, que todos os colaboradores da empresa tivessem atendimento e acolhimento quando necessário.


Do começo do projeto até o momento, já conseguimos observar os resultados positivos que conseguimos alcançar. A profissional que acompanha o projeto de perto, já está atuando em casos nos quais o acolhimento foi essencial e que poderiam ter se agravado e escalado rapidamente se não houvesse atendimento profissional. E todos os colaboradores já enxergam o benefício e cuidado que a empresa está oferecendo a eles.


Confira abaixo, o depoimento do gerente de RH da empresa, Vinicius Garcia.


Hoje, vou contar um pouco sobre o nosso programa de saúde. Durante essa fase final da pandemia, principalmente no retorno às atividades presenciais, começamos a nos preocupar com nossos colaboradores. Muitos deles tinham sido afastados por causa da covid-19, outros sofreram perdas familiares e também houveram casos daqueles que deixaram de se cuidar por conta do isolamento social. Tudo isso deixou nosso time mais suscetível a problemas de saúde física e mental, como ansiedade e depressão.


Com isso, nos preocupamos como isso afetaria nossa retomada, então procuramos ser mais humanos e trazer soluções para que eles se sentissem mais dispostos e confortáveis, além de receber o acolhimento necessário. No entanto, não tínhamos ideia de como fazer isso. Nosso primeiro pensamento foi em trocar o plano de saúde por uma opção mais abrangente e conhecida do mercado, mas ainda não era tudo que estávamos procurando. Precisávamos de soluções mais rápidas e efetivas na rotina das pessoas. Foi então que procuramos pela Proativa.


Então, com a Proativa e, principalmente, na figura do sócio Michel Wajs, conseguimos encontrar os benefícios que queríamos oferecer. O Michel nos ajudou com a pesquisa e a entender o mercado e quais as melhores opções para nossa empresa. Nossa ideia inicial era, inclusive, instaurar um teleatendimento psicológico. Mas, a Proativa nos trouxe soluções mais ágeis e funcionais.


Por exemplo, o Alô Doutor, que é um teleatendimento rápido de saúde e, além disso, eles trouxeram o Programa Psicologia em Foco, que conta com uma profissional da saúde mental in company. Essa psicóloga faz todo o atendimento da nossa equipe, mesmo sem ser uma colaboradora direta da empresa, mas oferece todo o suporte necessário aqui dentro. E, ainda, o aplicativo Cíngulo que é um app de rotina mental e antiestresse. Esse programa de saúde mental está sendo muito bem sucedido e bastante utilizado.


Tudo isso, virou uma chave em nosso pacote de benefícios e, com isso, conseguimos uma propaganda maior para retenção de talentos, até mesmo criamos folders para mostrar aos nossos colaboradores todas as opções que eles têm.


Mas, o mais importante, é o feedback que recebemos dessas pessoas, como aqueles que perderam familiares e têm recebido um acompanhamento muito focado e próximo, tanto que nossa psicóloga está com a agenda de atendimentos cheia até o final do ano. Tivemos pessoas que precisaram do Alô Doutor para coisas básicas, principalmente para conseguir uma segunda opinião sobre solicitações médicas. Inclusive, o Alô Doutor fez tanto sucesso que resolvemos oferecer gratuitamente para o time.


E a Proativa está sempre trazendo esse olhar inovador e conhecimento de mercado para nos ajudar a construir um pacote de benefícios atrativo, que esteja dentro da nossa realidade. Sempre olhando para o colaborador e para o lado da empresa e do gestor de RH. Implementamos todo esse programa sem precisar de muito trabalho do nosso lado, no final, nosso maior esforço foi em questão de divulgação.



Texto original do depoimento.

Oi, pessoal, me chamo Vinícius, sou gerente de RH da Breton. Hoje, queria contar um pouquinho sobre o programa Saúde Breton. Nessa fase de pandemia, principalmente no retorno às atividades presenciais, sentimos a necessidade de começar a cuidar um pouco mais a fundo da saúde dos nossos colaboradores. Tanto a saúde física, quanto a saúde psicológica e mental. Houve um grande número de pessoas afastadas por conta da covid-19, pessoas que tiveram perdas familiares, pessoas que pararam de se cuidar por conta do período de afastamento e isolamento social. Então, sentimos que nosso time estava ficando um pouco mais adoecido e um pouco mais depressivo, com sintomas de ansiedade e nós não queríamos que isso afetasse nosso dia a dia como empresa e queríamos ter esse lado humano e trazer esse lado humano para nossa equipe.


E trazer soluções para que eles pudessem se sentir mais confortáveis e tivessem um atendimento mais acolhedor. A gente não tinha ideia do que poderíamos fazer isso. Então, nosso primeiro passo foi pensar em uma troca de plano de saúde, para um plano de saúde com mais abrangência e mais reconhecido pelo mercado, mas como é um benefício que nem sempre é utilizado por todos, queríamos oferecer mais soluções mais rápidas e mais efetivas no dia a dia das pessoas. A gente procurou pela Proativa, principalmente pela figura do Michel Wajs para nos ajudar a pensar e estudar o mercado e ver quais possibilidades a gente poderia ter de atuação e um atendimento mais rápido. Nossa primeira ideia era, inclusive, colocar um teleatendimento psicológico. Porém, a Proativa fez um levantamento de mercado e trouxe algumas soluções que eram muito ágeis para a gente.


Como o Alô Doutor, que é um teleatendimento rápido de saúde, e eles trouxeram um programa de psicologia in company, uma solução que coloca uma psicológa, que não é uma funcionária Breton, mas que é uma pessoa que faz todo o apoio e rapport para fazer o atendimento, desvinculando um pouco da imagem da empresa, dentro da empresa e fazendo esse atendimento e o Cíngulo, que é um aplicativo de rotina mental e antiestresse e tudo o mais. Um programa que está sendo super bem sucedido e bastante utilizado, principalmente o de psicologia in company que é um sucesso, porque virou uma chave dentro do nosso pacote de benefício que a gente oferta, então conseguimos uma propaganda maior de retenção de talentos, criamos folders para mostrar para os colaboradores as opções que eles têm e são soluções rápidas para aquele momento que você precisa.


E já tive o feedback de diversas pessoas, desde quem acabou de perder familiares que tiveram que passar com a psicóloga e têm tido um acompanhamento muito focado, inclusive já está com agenda cheia até o final do ano. E pessoas que precisaram do Alô Doutor para coisas básicas. Já tive, inclusive, uma coisa que foi muito discutida na época, que foi o double check de uma solicitação médica e isso vem sendo bastante utilizado no Alô Doutor para a gente, a gente inclusive resolveu custear esse benefício para nossos colaboradores de maneira gratuita. E a Proativa sempre utilizando esse olhar inovador e esse olhar do mercado para nos ajudar a construir um pacote de benefícios mais atrativo de benefícios, sempre voltado para nossa realidade e olhando tanto o lado do colaborador quanto o lado da empresa e do RH. Além disso, o facilitador de colocar esse plano em prática sem precisar de muito trabalho. Nosso trabalho foi praticamente a divulgação.

9 visualizações0 comentário

コメント


bottom of page